Torrego & Claudia trazem para ESTOTRENDY todo o beat do Hip Hop do Ale Artola quem conta-nos todo sobre seus inicios, musica e projetos!

Hip Hop é uma cultura popular que surgiu entre as comunidades afro-americanas do subúrbio de Nova York na década de 1970. A música é a principal manifestação artística do hip hop, que também tem na dança e no grafite forte representação.
Dos Estados Unidos, a cultura hip hop se espalhou pelo mundo. No Brasil, a cidade de São Paulo é aquela com maior número de adeptos e com uma relevante produção artística.
Embora existam algumas traduções da expressão hip hop como balançar dos quadris, neste caso o vocábulo hip em inglês tem a conotação de “o que está na moda, acontecendo neste momento”, e hop seria um movimento de dança.

O Hip Hop enquanto cultura urbana surgiu na periferia de Nova York, entre as comunidades caribenhas, afro-americanas e latino-americanas na década de 1970. O hip hop americano acabou se tornando a expressão mais famosa em termos musicais. contexto social era de violência e criminalidade nesses bairros, e a única forma de lazer possível para os jovens era nas ruas. Eles encontraram na música, poesia, dança e na pintura uma forma de manifestação de sua realidade e contestação.
Aos poucos a poesia na música, representada pelo rap, ganhou o espaço nas discotecas, que até então não cansavam de tocar os hits da era disco. As duplas de DJs e MCs ganhavam destaque e travavam competições entre si, as batalhas de rap, feitas só pela manifestação cultural e sem conotação de violência. O grafite nos muros era a expressão da pintura na cultura hip hop, e o break era a dança que saía das ruas para as festas em toda a cidade.
Mas a cultura hip hop chegou primeiro ao Brasil através do break dance. Antes do álbum, o hip hop brasileiro tinha seu espaço nas ruas de São Paulo, mais precisamente no metrô São Bento, em que os artistas faziam sua performance para quem passasse pela rua e estivesse disposto a contribuir.
O hip hop tem quatro elementos principais: o rap, o DJing, o breaking (praticado pelos b-boys e b-girls) e a arte do grafite.
Quando o hip hop surgiu, concentrava-se nos disc jockeys que criavam batidas rítmicas, eram pequenos trechos de música com ênfase em repetições, posteriormente, foi acompanhada pelo rap, identificado como um estilo musical de ritmo e poesia, junto com as danças improvisadas, como a breakdance, o popping e o locking.

Deixe uma resposta