Quando falamos de urbanidade e de natureza ao mesmo tempo parece ser um tema mais do que complicado, chega a ser até utópico conciliar as duas coisas em harmonia, a musicalização dos sonhos tornam-se realidade quando coloca-se a fortaleza necessária nos projetos como pra ir além do estabelecido pela sociedade mesma num crescimento acelerado e até sem medida, bom é aí em que a nossa convidada, amiga e parceira Cris Gouvêa entra de cheio com suas propostas de telhados verdes entre outros grandes projetos, Torrego traz para ESTOTUCASA a uma líder em paisagismo e em todo o que ela faz, suas propostas e ideias sempre são polêmicas por que procura na ação a mudança, isso parece tão difícil para muitos entender para outros é um prazer entrar nessa proposta sempre com uma visão matura e de bem-estar para a sociedade e o Brasil, esta proposta de telhados verdes não é uma novidade nem uma raridade no mundo vários países já a adotaram e chegam a ser grandes líderes no mundo, Existem relatos de telhados vivos protegendo casas com duração superior a 70 anos. Na Alemanha, onde consta o maior número de estudos e pesquisas sobre o assunto, eles foram indicados como potencial para redução de custos de aquecimento e refrigeração, redução do escoamento de águas pluviais (e, portanto, inundações) e opção facultativa de um espaço agregado, que por sua vez aumenta o valor de uma propriedade no mercado. Os tetos verdes estão presentes em bairros desde 1943. O que de fato é recente é a maneira como são executados, alguns termos técnicos e a leveza e praticidade. Assim, percebemos que as novas tecnologias só têm qualificado os Ecotelhados pelo mundo.
O Millennium Park é um parque público muito premiado, em 24,5 acres tem espaços para performance, arte, escultura, arquitetura e paisagismo, localizado em Chicago, EUA. “Criado para revitalizar uma área de 25 hectares de terra no Grant Park de Chicago, Millennium Park incorpora avanços inovadores em design sustentável, incluindo o maior telhado verde do mundo”. O parque foi inaugurado em 16 de julho de 2004 transformando um terreno baldio industrial em uma vitrine de Chicago para a arte de vanguarda, arquitetura, paisagismo, música e muito mais. Hoje, é a segunda maior atração turística de Chicago.
Com 24,5 hectares, Millennium Park é considerado o maior, ou um dos maiores, projeto de telhado verde intensivo do mundo, por ser em cima de uma garagem subterrânea , nem parece um telhado, mas é! Este telhado verde é 20.000 metros quadrados maior do que o segundo maior telhado verde do mundo no Aeroporto Internacional de Frankfurt em Frankfurt, Alemanha.
Chicago tem mais telhados verdes do que qualquer cidade dos EUA e alguns de seus maiores são construídos sobre estruturas subterrâneas. São mais de 200 telhados verdes, cobrindo um total de 233 mil metros quadrados.
Vale a pena não esquecer que toda aportação verde ao planeta e em qualquer cidade do mundo traz benefícios não só estéticos poderíamos dizer que um telhado verde é um “burro de carga” ecológico, reduzindo escoamento de águas pluviais e consumo de energia. Ainda fornece proteção acústica, cria habitat para pássaros e insetos, e é a chave para mitigar o efeito ilha de calor.
O visual de muitas grandes cidades no mundo inteiro esta mudando e trazendo de volta a natureza ao panorama de concreto, Cris Gouvêa vai mais longe ainda agora está trazendo também a proposta de além de verdes fazer os telhados e jardins sensoriais e com propósitos específicos para cada projeto e pessoa, seja para fortalecer a saúde, sistema emocional, ou simplesmente pelo prazer de fazer o bem.

Deixe uma resposta